FLORA ESPONTÂNEA DAS CULTURAS DE BATATEIRA E DE MILHO NA PROVÍNCIA DO HUAMBO (ANGOLA)

Indicam-se as cerca de sete dezenas de espécies, duma vintena de famílias, identificadas em levantamentos florísticos realizados em ensaios para avaliação do período crítico de infestação e em campos circunvizinhos, nas culturas de milho e de batateira, praticadas na época seca e na das chuvas, em três locais – Bailundo, Chianga e Calenga – da Província do Huambo. Apresentam-se as percentagens de cada tipo biológico e a sua corologia, comparando-as com as de outras regiões africanas.