EFEITO DA ESPÉCIE NAS RELAÇÕES DE INTERFERÊNCIA ENTRE AS PLANTAS DANINHAS E O FEIJOEIRO

: O Brasil é o maior produtor mundial de feijão (3,64 milhões de toneladas), mas a interferência das plantas daninhas pode causar reduções de 15 a 80 % na produtividade da cultura. Observou-se que as plantas dicotiledôneas causaram maior interferência na cultura, principalmente Amaranthus viridis e Raphanus raphanistrum. Todas causaram perdas na produção do feijoeiro, exceto Eleusine indica, que se mostrou menos competitiva. O feijão ´Rubi´ mostrou ser mais produtivo e mais competitivo que o ´Carioca´.