BIOLOGIA DA GERMINAÇÃO DAS INVASORAS HAKEA SALICIFOLIA E HAKEA SERICEA

Hakea salicifolia e Hakea sericea são duas espécies invasoras em Portugal. Neste trabalho estudou-se a viabilidade e germinação das sementes submetidas a diferentes pré-tratamentos e diferentes temperaturas de germinação. Verificou-se um efeito negativo quer da temperatura quer do tempo de aquecimento na sobrevivência das sementes. Os ensaios de H. salicifolia, decorreram em estufas com temperaturas de germinação de 10 ºC, 15 ºC, 20 ºC, 25 ºC e um regime alternado de 10/20 ºC e 12-h luz. Com H. sericea, os ensaios de germinação realizaram-se a 10 ºC, 15 ºC, 20 ºC e 25 ºC e 12-h luz. A temperatura de 20 ºC foi a mais favorável à germinação das sementes recém colhidas, sem qualquer pré-tratamento, nas duas espécies. A viabilidade das sementes foi avaliada pelo teste de tetrazolium.